NHOQUE DE RICOTA

SEM BATATAS...

Isso mesmo!!!


“Quem pensa que a comida só faz matar a fome está redondamente enganado. Comer é muito perigoso. Porque quem cozinha é parente próximo das bruxas e dos magos. Cozinhar é feitiçaria, alquimia. E comer é ser enfeitiçado.” (Rubem Alves)

Desde o primeiro dia que assisti ao programa Bem Simples, na Escola de Culinária, essa receita ser feita por aqueles magos da culinária, fiquei enfeitiçada, se assim posso descrever meus instintos.

Hoje seguindo a linha light pós-festas, resolvi fazê-lo.

Por haver pouquíssima adição de farinha de trigo, se torna bem mais leve e menos calórico. E o sabor se torna suave e muito mais gostoso.

EXPERIMENTEM... Vale a pena.

Ingredientes:

Massa:

  • 500 gramas de ricota, ralada (ralo fino)
  • 2 ovos
  • Manjericão a gosto
  • 100 gramas de queijo parmesão ralado
  • 3 colheres (sopa) rasas de farinha de trigo  

Molho:

  • Tomates sem pele e sementes
  • Cebola
  • Alho
  • Salsa
  • Cebolinha
  • Pimenta q/n
  • Sal q/n
  • Caldo de legumes
  • Azeite

Recheio:

  • Azeitonas pretas sem caroço, picadas.
  • Azeite extra-virgem

Preparo:

Coloque em uma tigela, a ricota, o queijo ralado e o manjericão, misture bem. Junte os ovos e a farinha de trigo aos poucos. Amasse bem, até ficar bem homogêneo. Deixe descansar por 30 minutos.

Enquanto isso faça o molho de tomates, daqueles bem simples e saborosos, refogue a cebola no azeite, até murchar. Junte o alho, os tomates, e deixe apurar, no finalzinho coloque um pouco de salsa e cebolinha, acerte o sal e a pimenta, acrescente o caldo de legumes, mas, cuidado para não ficar um molho muito ralo.

Para o recheio, junte as azeitonas picada com o azeite, se desejar coloque um pouco de orégano. Pouco azeite, para não comprometer na hora de fechar as bolinhas. Reserve.

Pegue a massa já descansada, em porções iguais as coxinhas feitas para festa, abra como se fosse uma conchinha e recheie com o molhinho de azeitonas, feche as bolinhas envolvendo bem o recheio para não vazar. Agora começa “hora mágica” do nhoque, quando eu era garotinha eu adorava ver minha avó e minha mãe fazerem isso:

Coloque água para ferver, junte o sal. Quando estiver fervendo, vá colocando as bolinhas, elas ficam ali cozinhando… e, quando estiverem cozidas, elas sobem para a superfície da água.

É ou não é mágico?

Vá retirando e reservando. Quando realizar esse processo com todas, estará pronto o seu nhoque!

Basta juntar o molho e servir.

Espero que gostem! Bom apetite!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Bolo Integral de Maçã e Nozes

Bailey Irish Cream Cheesecake